quinta-feira, 13 de outubro de 2016

Quando ...

... Os olhos teus beijam o meu corpo,
e as tuas mãos percorrem os meus segredos...
Um desejo ardente em mim aflora.
E quando o teu respirar me embriaga,
e o teu gemido por entrega implora,
teu cheiro forte, abre-me os poros,
Enlouquecida, rogo: 
“Vem, agora!...”


Todo universo repousa em alva cama,
onde o sentir se faz imortal e clama
pelo despertar das forças animais.
Um prazer, explode em liberdade,
nos faz trilhar o chão da eternidade...
E, num rugido supremo, eu peço:
 “Mais!”



Lê-me ...


Lê-me como se eu fosse um livro,
descobre-me em cada página,
conhece-me em cada palavra...
toca-me com suavidade
e folheia-me a cada dia,
como se eu fosse o primeiro
livro que lês...
deixarei em mim, páginas
com espaços em branco
para que tu mesmo, escrevas
e ilustres...
não me feches, guarda-me junto a ti
para me leres nas horas boas e nas horas más,
abre o meu sorriso e inunda-te com ele,
bebe as minhas palavras
e entra na minha vida,

esta que é, um livro que lês...

Sabes(?)

Sabes SOU ESCRAVA da minha LOUCURA ... NÃO TUA
ESCRAVA dos meus sentimentos ... do meu querer ... das minhas vontades ... 
ESCRAVA dos meus DESEJOS
ESCRAVA dos meus delírios ... das minhas fantasias ... 
ESCRAVA dos meus segredos 
Sabes SOU ESCRAVA sim da MINHA LOUCURA 

NÃO TUA 
   

segunda-feira, 25 de julho de 2016

... ÉS TENTAÇÃO ...

Shiuuu.....ouve o que te digo!

És sedutor!
Satisfazes-me!

Tens o dom de me
Envolver nas tuas palavras!
Não quero sair....porque quero estar!
Tenta-me....vá! Eu vou!
Atraída por ti
No teu pescoço quero deixar
A marca da minha imaginação
O meu desejo...no teu corpo!!!


... ÉS TENTAÇÃO ...


Boa semana Pecadores
Bacio 
Peccato

quarta-feira, 6 de julho de 2016

Pensamentos Nocturnos #11



Sinto-te ... enche-me com loucura devassa...
Rouba-me o prazer...
Sem que me possas ouvir...
Rouba-mo...

Dou-to sem te dar a saber...

Pensamentos (meus) #5

Sinto a tua pele quente colada ao meu corpo... Sinto que o desejo corre-me nas veias, que as sensações estão à flor da pele prestes a explodir em êxtase... minhas mãos que percorrem cada recanto do teu corpo, como que a explorar uma terra perdida de outrora, transmitem o meu desejo já demonstrado de diversas formas. Procuram e encontram o que mais desejo... o teu corpo... os meus beijos saciam a tua sede... e com estes percorro o teu corpo indo ao encontro ao teu ponto mais fraco, como um botão onde acendo a chama da paixão... e nesse momento entregas-te com loucura e chamas-me para ti... Essa entrega será como a fusão da alma e do corpo em que entregamos um ao outro o que temos de mais íntimo... o nosso espírito, os nossos desejos mais secretos, as fantasias mais ousadas... tudo o que não mostramos a mais ninguém… apenas a nós os dois... Quando o êxtase se transfigura em cansaço os teus braços são o meu porto seguro onde sei que posso descansar e adormecer tranquilamente sem me preocupares com o mundo lá fora... O mundo é apenas entre as quatro paredes, debaixo dos lençóis, entre cada suspiro... cada beijo... Só existimos tu e eu... o resto naquele momento não é real, é um mundo à parte a que teremos necessariamente de voltar... mas que passa despercebido... Só tu e eu somos importantes... nada mais...


sábado, 5 de março de 2016

HAPPY B DAY (to ME)


… Pois é aqui a chata de serviço hoje completa mais um INVERNO ...
… e com este já são 39 INVERNOS ...

… bem vividos … 

sexta-feira, 26 de fevereiro de 2016

"Abutres"


Abutres(uma vastidão de homens vorazes, com diferentes posturas e opiniões, diferentes estilos e maneiras de seduzir)



Quem são, pouco importa. Interessa o que dizem, o que tentam demonstrar para se fazerem valer, o quanto tentam agradar para se manterem naquela companhia, o quanto insistem e as diferentes formas como o fazem...aspectos a considerar quando o assunto são eles, os abutres!!

terça-feira, 9 de fevereiro de 2016

Quando as tuas mãos ...

... desvendam os caminhos e trilhos do meu corpo percorrendo os atalhos mais escondidos … fazendo cair todas as barreiras um dia erguidas … num mar de arrepios, num estremecer sem fim … como de um ritual se trata-se … mapeias com a ponta dos dedos o meu corpo, em ligeiros mas profundos toques que incendeiam alma … levando-me lentamente ao êxtase … guiando-me pelos caminhos do prazer … reacendendo a chama do desejo … fazendo o meu corpo entrar numa espiral ardente … 


Deslizas devagar pelo meu corpo … sem pressas … sem receio matando a sede deste meu anseio … no lampejo do arrepio … o meu corpo que grita por mais … 

terça-feira, 2 de fevereiro de 2016

Salão Erótico Porto 2016

A próxima edição do ErosPorto - Salão Erótico do Porto terá lugar de 10 a 13 de Março, na Exponor. O evento que terá áreas como Foot Fetish (fetichismo por pés), Extasia (sexo tântrico), Swinger, BDSM, HotGay (inclui Quarto Escuro), Arte Erótica e Actividades para as Mulheres, entre muitos outros conteúdos.

O IX ErosPorto - Salão Erótico do Porto 2016 vai contar com mais de 100 artistas nacionais e internacionais, 12 palcos com espectáculos contínuos e várias áreas privadas.



www.erosporto.com



domingo, 24 de janeiro de 2016

Apetece-me #46

Apetece-me contar-te um segredo.
Apetece-me ver-te, contemplar-te, tocar-te.
Apetecer abraçar-te, sentir-te, beijar-te.
Apetece-me estar contigo, sentir a tua alma, o teu corpo, a tua boca. 
Apetece-me ouvir as tuas fantasias sussurradas na noite, acordando os meus instintos, arrancando da minha alma os desejos escondidos.
Apetece-me o teu corpo colado ao meu, fundindo-se, amando, acabando-se. 
Apetece-me tocar-te por inteiro, sentir-te estremecer na ponta dos meus dedos. 
Apetece-me sugar todas as tuas gotas de suor, saborear-te com a ponta da minha língua.
Apetece-me despertar todos os teus gritos, gemidos de loucura e prazer.
Apetece-me sentir o gosto dos teus beijos delicados, a saborear os meus lábios, o calor da tua pele, fazendo o meu corpo curvar-se ao prazer e a maciez do teu toque, envolver o meu espírito, fazendo-me perder nos teus desejos, sem me deixar raciocinar.
Apetece-me sentir os teus movimentos carinhosos e ligeiros, enlouquecendo a minha mente, saboreando os delírios dos meus pensamentos … 

Apetece-me saciar-me do insaciável.



quarta-feira, 20 de janeiro de 2016

Sabes(?)


Gosto de pessoas que sabem exactamente o que querem
Gosto de pessoas que lutam e não desistem ao primeiro contratempo
Gosto de pessoas que sejam capazes de  ultrapassar os obstáculos
Gosto de pessoas que seguem em frente sem medos, sem receios ...
Gosto de pessoas que conquistem e se deixem conquistar
Gosto de pessoas que sejam fortes nas suas convicções
Gosto de pessoas desinibidas
Gosto de pessoas frontais 
Gosto de pessoas com aquela dose de loucura 
 Gosto de pessoas sinceras 
Gosto de pessoas com sentido de humor
Gosto de pessoas que saibam rir delas próprias 
Gosto de pessoas que amem a vida
Gosto de pessoas que testem os seus limites
Gosto de pessoas inteligentes

Odeio pessoas cobardes, fracas, falsas, inibidas, apagadas, estagnadas no tempo, sem brilho, sem risos, sem sorrisos, sem sentido de humor, sem senso comum, sem vida
Odeio pessoas sem inteligência   
  

terça-feira, 19 de janeiro de 2016

Não penses ...

"Não penses no que queres fazer. Pensa, isso sim, no que queres sentir. Não é o acto em si que procuras: é aquilo que esse acto te traz. Não queres a água. Queres a cura para a sede. Queres a sensação plena de sede saciada."

Pedro Chagas Freitas in "In sexus veritas"


Não penses, vem sem medo, sem receio 
... vem e sente a chama que incendeia a alma ...
... vem e sente o calor que emana do corpo ...
Não penses, vem sem medo, sem receio 
... vem e trilha os caminho do desejo ... 
... vem e trilha os caminhos do prazer
Não penses, vem sem medo, sem receio 
... vem e desperta os gemidos contidos ...
... vem e desperta fantasias ... 
Não penses, vem sem medo, sem receio 
... vem e sacia a minha (TUA) sede ...
*** 
Não penses, vem sem medo, sem receio 

segunda-feira, 18 de janeiro de 2016

domingo, 17 de janeiro de 2016

Apetece-me #45


Apetece-me cometer loucuras
aquelas que desejo... que sonho
as quais vivo sem medo
sem roubar o sossego , provoco-te...
 instigo-te com o meu corpo
com os relatos extraídos da alma
que procuram este desejo que anseio
moldar-me em ti
encaixar-me em ti
aprofundando o meu ser...lentamente...
 intensamente nos teus entalhes
donde brotam...vertem sensações
infinitos prazeres
Apetece-me insanamente
 Rimar o teu corpo com meu
as tuas nuances ousadas
num insano ato de prazer.

sábado, 9 de janeiro de 2016

Confesso

Confesso que te desejo
Consegues deixar-me louca só com a tua voz
Com as tuas expressões que demonstram o desejo que sentes.
 Confesso que desejo ter as tuas mãos no meu corpo
Os teus lábios a explorarem o meu peito
Enquanto as tuas mãos conhecem cada centímetro meu.
 Confesso que desejo que me faças gemer de prazer
Tremer, arrepiar, sonhar e desejar-te ainda mais.




Confesso que me deixas louca 

segunda-feira, 4 de janeiro de 2016

Pensamentos (meus) #4


"Quando enfrentares o teu criador, ser-te-ão pedidas contas pelos prazeres que te foram dados."

Depois de ler esta frase fiquei a pensar...

Vou pagar tanto... mas tanto... felizmente foi-me dado muito prazer e continuo a ter muito prazer.

Sinto prazer só de pensar em tudo o que já vivi.
Sinto prazer só de relembra aquelas expressão, os olhares, as palavras que um dia ficaram marcados na alma.
Sinto prazer só de penar naqueles toques que aquecem a alma e transformam o corpo num vulcão ardente de desejo.
Sinto prazer só de pensar na intensidade dos momentos passados e presentes.
Sinto prazer só de imaginar os prazeres que ainda me esperam.
Vou pagar tanto... mas tanto... por todos os prazeres sentidos, vividos, por todo o prazer que sinto neste momento e pelo que ainda irei sentir.

E vocês... Vão ter de ajustar muitas contas??

Sem prazer, o que somos nós??